LANÇADO CONCURSO PÚBLICO DE 675 MIL EUROS PARA REQUALIFICAÇÃO DO LARGO DA IGREJA DE SANTO ANTÓNIO

0
139

Foi publicado no dia de hoje, em Diário da República, o concurso público para as obras de conservação e construção de um espaço urbano no Largo da Igreja de Santo António.

Com um valor global de 675 mil euros (não incluindo os trabalhos de fiscalização) e com um prazo de execução de 365 dias, este importante investimento permitirá ultrapassar alguns problemas que comprometem o uso do espaço e a sua adequação para atividades pedagógicas e de recreio junto à Igreja da freguesia de Santo António, nomeadamente a ausência de proteção e o vazio urbano.

A intervenção incidirá na criação de um espaço urbano dividido por três patamares diferenciados. O primeiro, de grande extensão, localizar-se-á no prolongamento da via; o segundo, além de zona de passagem, será um local mais reservado; enquanto no terceiro e último ficarão as instalações sanitárias. 

Além disso, o projeto contempla a criação de uma pequena zona de estacionamento em paralelo com a via, bem como arranjos exteriores à Igreja Paroquial, nomeadamente a manutenção da calçada do adro, a execução e a pavimentação dos espaços circundantes.

Depois da aprovação unânime na Câmara, e da publicitação, os candidatos terão 30 dias para apresentar as suas propostas permitindo que os trabalhos se iniciem até final do ano se toda a tramitação burocrática decorrer sem surgirem problemas. Essa é a perspetiva do Presidente do Município de São Roque do Pico. Mark Silveira realça a importância do projeto para a regeneração urbana da freguesia de Santo António, assumindo que o investimento irá “dignificar” uma zona de elevada importância arquitetónica e da prática do culto religioso: “Tivemos oportunidade de aproveitar 400 mil euros de fundos comunitários ao abrigo do Programa Operacional Açores 2020, através do PIRUS (Programa Integrado de Regeneração Urbana Sustentável), com o restante valor a ser suportado pela Câmara Municipal de São Roque do Pico, para proceder à ampliação e requalificação daquele espaço. Na mesma lógica de embelezamento de espaços públicos e de lazer este é mais um exemplo desse tipo de obras de requalificação que vem dar grande dignidade à segunda maior freguesia do nosso concelho”.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO