Onde pára o Diabo?

0
15

Caminhamos para as eleições legislativas nacionais de 6 de outubro onde os portugueses e os açorianos serão chamados a eleger os seus representantes na Assembleia da República. Estou certo que quem apoiou a candidatura do Partido Socialista há 4 anos nestas eleições pode hoje estar satisfeito com o trabalho realizado até aqui.
Não só por ter sido possível através da Assembleia da República encontrar uma solução governativa de estabilidade que assegurasse a governabilidade do país, mas, principalmente, pelos resultados alcançados por via dessa solução. Afinal, não veio o diabo e comprovou-se que havia outro caminho de recuperação, de esperança e, acima de tudo, de confiança no futuro do país.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO