Pela sua Saúde – A escova de dentes serve para proteger a sua saúde?

0
15

À primeira vista deve fazê-lo, porque as escovas de dentes são objectos importantes para a nossa saúde. Mas elas podem conter milhões de bactérias… Seguem alguns conselhos para que elas vos sejam verdadeiramente úteis.

1. Mudar de escova de dentes com regularidade.

2.Arrumar correctamente a sua escova de dentes.

3.Escovar os dentes correctamente protege, também, a escova de dentes.

4.As bactérias e a nossa saúde buco-dentária.

Mudar de escova com regularidade

Aconselha-se, tradicionalmente, mudar de escova de dentes de três em três  meses; mas este intervalo de tempo é um máximo absoluto. Nalgumas circunstâncias é aconselhado mudar de escova de dentes com mais frequência:

Quando se está doente.

Se o sistema imunitário está perturbado ou fragilizado.

Se a escova de dentes mostra sinais de desgaste (os pelos não estão mais direitos nem paralelos, por exemplo).

Arrumar correctamente a sua escova de dentes

Passar cuidadosamente por água a sua escova depois de ter lavado os dentes.

As escovas de dentes devem ser colocadas verticalmente, com a cabeça para o alto, e não dispostas horizontalmente sobre uma superfície, onde as bactérias se poderão multiplicar.

Evitar, também, os estojos ou as capas protectoras da cabeça das escovas de dentes, porque facilitam a multiplicação de bactérias. A humidade é amiga dos germes, por isso é importante que a sua escova possa secar completamente entre duas escovagens.

Na casa de banho devem afastar-se as escovas o mais possível da zona das águas, a fim de evitar salpicos, que impeçam que a secagem completa da cabeça da escova de dentes.

Escovar os dentes correctamente protege, também, a escova de dentes

Para diminuir a quantidade de bactérias nas escovas de dentes, pode-se utilizar o elixir de boca antibacteriano antes de se começar a escovagem dos dentes, assim como lavar e escovar correctamente a boca e os dentes, pelo menos duas vezes por dia. Com efeito, existindo menos bactérias na boca, menos irão existir na escova de dentes após a escovagem… É lógico!

As bactérias e a nossa saúde buco-dentária

As bactérias jogam um papel duplo na nossa saúde buco-dentária. Elas são um inimigo porque a sua multiplicação excessiva leva ao desenvolvimento da placa dentária, às doenças das gengivas e a diversas infecções. Mas isto não nos deve tornar paranoicos em questão de limpeza e higiene bucal e dentária: é que a nossa boca está preparada para contactar com numerosas bactérias, quando nos alimentamos e, ao mesmo tempo, está armada com numerosas defesas que impedem essas bactérias de nos fazerem muito mal.

 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO