Projeto +Partilha – Faialenses aderem ao projeto

0
22
DR

DR

O Projeto +Partilha teve lugar nos dias 23, 24 e 25 de fevereiro e contou com a colaboração de 130 voluntários nos diferentes postos de recolha.
No fim dos três dias foram recolhidos 4 407 quilos de bens alimentares que vão ser distribuídos por dezenas de famílias carenciadas.

Decorreu no passado fim-de-semana a recolha de alimentos no âmbito do projeto +Partilha organizado pela Ouvidoria da Horta, através da Pastoral Juvenil, as Cáritas e o Núcleo do Corpo Nacional de Escutas da ilha do Faial.
Durante esta iniciativa, foi possível angariar 4407 quilos de bens alimentares que vão agora ser distribuídos a dezenas de famílias com crianças e jovens a viverem no limiar de pobreza, e a diversas instituições como o Colégio de Santo António, a Porta de Assis e a Associação de Pais e Amigos dos Deficientes da Ilha do Faial (APADIF).
A campanha teve lugar nas três maiores superfícies comerciais da ilha, o Continente, a Rufrimar e o Fayal Kompra, e contou com a colaboração de cerca de 130 voluntários, com uma idade média de 26 anos.
Para além destes 4 milhares de quilos em bens alimentares, serão ainda recolhidos mais bens doados durante os dias 1, 2 e 3 de março em 19 minimercados à volta da ilha, que decidiram associar-se a esta causa.
Para a organização da companha, o balanço é “muito positivo e superou todas as expectativas”, pelo que já se está a planear uma nova recolha para o mês de novembro. O objetivo é que este projeto não se extinga neste período de tempo e abranja, no futuro, “outras faixas etárias e a recolha de outros bens a fim de serem distribuídos a agre-gados em dificuldades económicas”.
“Não será demais agradecer aos voluntários que disponibilizaram o seu tempo para a dar cara pelo projeto, bem como a todos os que contribuíram para tornar um pouco melhor a vida daqueles que mais necessidade tem de ver uma mão estendida pronta a ajudar”, lê-se no comunicado das Cáritas enviado às redações.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO