Sinais de Esperança

0
36
TI

No momento em que escrevo este artigo, milhares de pessoas, na Austrália, estão a ser deslocadas de suas casas devido aos incêndios florestais. Já arderam 30.000 hectares do parque nacional; morreram 84 pessoas; há cidades devoradas pelas chamas.
Na ilha do Faial ainda temos bem viva a memória do furacão Lorenzo, um gigante de 1300 quilómetros de diâmetro, que surpreendeu a comunidade científica por ter atingido a categoria 5, com ventos de 260 km/h, no seu percurso Atlântico, e que deixou um rasto de destruição à sua passagem. O ciclone Idai, no dia 14 de março de 2019, destruiu a cidade da Beira, em Moçambique, e provocou milhares de mortes.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO