Tempos D’outora – Recordando e revivendo

0
25

O povo afirma e tem razão, que recordar é viver. Esta simples frase popular encaixa perfeitamente neste escrito, sobre a mais recente vista à cidade da Horta, sempre acolhedora e cosmopolita que, nos tempos que correm, se apresenta bem diferenciada de quando nela vivíamos, trabalhávamos, convivíamos e confraternizávamos. Atualmente, as gentes do Pico e São Jorge, ou que de lá viajam, desembarcam no novo terminal, situado na Alagoa, ao lado da Ribeira da Conceição, quando, no nosso tempo, se desembarcava no cais, frente à Capitania da Horta.
Aqui chegados e por noma, começava o périplo pelas ruas principais, começando com a estrada no mundialmente conhecido e apreciado Peter Café Sport.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO