Unidos numa casa: A CASA DA ESPERANÇA

0
4

Hoje vou escrever uma pequena e sentida nota. Sou mãe, sou filha, sou esposa, sou irmã, sou amiga, sou nora, sou prima, sou isso tudo…e isto pode bater-nos à porta. O cancro! O cancro… Aquela palavra que nos arrepia, aquela doença que temos medo. Não escolhe idade, cor, sexo, “simplesmente aparece”. Aparece e parece que o mundo acaba ali. 

O Governo Regional dos Açores vai avançar, e bem, com um  Centro de Radiote-rapia nos Açores. Quero assim enaltecer e realçar a importância deste centro. Tarde é o que nunca chega, e agora o Governo liderado por Vasco Cordeiro avançou e confirmou a construção deste importante centro. Devemos assim valorizar tudo o que se faz de bem nesta região, e para além de imensas coisas, o centro de radioterapia é um sinal claro da atenção de quem nos governa nestas nove ilhas.

Agora surge a ideia da Casa – A CASA DA ESPERANÇA. 

Esta casa seria, quanto a mim, o próximo passo. A Casa da Esperança seria certamente o lar dos lutadores de cancro, dos utentes do Centro anunciado e que vêm das outras ilhas. 

Haverá sempre doentes deslocados e a Casa será a união. O principal objetivo é dar o melhor conforto aos utentes das outras ilhas, fazê-los sentir em casa… Nós que sabemos tão bem receber. Um quarto para cada utente e acompanhante, assim como uma cozinha e uma sala de estar para conviverem. 

A Casa contribuirá para a cura; os utentes unidos pela mesma causa, partilhando experiências, apoiando-se quando algo corre menos bem. 

A cura não está só nos tratamentos, a cura está no apoio psicológico aos doentes, na fé, na energia positiva. Foi com esse pensamento que dou o exemplo do antigo hospital como lugar físico da Casa. Ali mesmo junto ao Santuário do Santo Cristo, lugar de fé e devoção de nós açorianos. Ali junto ao mar que nos une, maresia que nos enche a alma e que a muitos dá força.

E mesmo assim, ficará no centro da cidade, junto de transportes e de tudo o que uma cidade tem para oferecer. A Casa será o lar por algumas semanas, talvez meses. 

E só desejo que seja a casa da luta, a CASA DA ESPERANÇA

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO