Violência Doméstica: a “palavra do ano” de 2019

0
17
TI
TI

Os portugueses escolheram “violência doméstica” como a palavra do ano de 2019, numa votação online realizada anualmente pela Porto Editora, que segundo a organização tem como objetivo salientar o poder das palavras, “refletindo o quotidiano da sociedade portuguesa em cada ano, os factos, os hábitos, os acontecimentos, as tendências e as preocupações coletivas”.
É claro que, no caso concreto, seria mais correto falar em “expressão do ano”, mas o facto de os portugueses agregarem as duas palavras nesta eleição, é em si mesmo algo de muito significativo. Interpreto esta conjugação como o alerta dos portugueses, de que o tipo de violência que mais os tocou e preocupou em 2019 foi a violência doméstica.
Há uma mudança visível na forma como a sociedade portuguesa encara este flagelo. Uma mudança operada, sobretudo, nas últimas duas décadas, e que na minha avaliação assentou em duas bases fundamentais: uma revolução no ordenamento jurídico e uma evolução de mentalidades.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO