Visita a cemitério dinamiza exposição sobre a peste na ilha Terceira

0
17
DR/GACS
DR/GACS

A Secretaria Regional da Cultura, da Ciência e Transição Digital, por via da Direção Regional da Cultura (DRC), através do Museu de Angra do Heroísmo (MAH), promove no dia 1 de maio, pelas 15h00, a realização de uma visita guiada ao Cemitério do Livramento, inserida no programa de dinamização da exposição “A Ilha Terceira em Tempos de Peste”.

A visita, denominada “Eterno Descanso”, será orientada por Paulo Barcelos, técnico superior da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, edilidade parceira nesta iniciativa.

A exposição “A Ilha Terceira em Tempos de Peste”, patente na sala do Capítulo até dia 3 de outubro de 2021, dá conta de algumas das epidemias que aportaram à ilha e documenta as respostas dadas às mesmas, em tempos de suspensão da normalidade.

A deslocação ao exterior do MAH para complementar o trabalho expositivo explica-se pelo facto de, no espaço que hoje corresponde aproximadamente ao do Cemitério do Livramento, terem sido sepultadas, em 1599, vítimas de peste para as quais já não havia lugar no chão e nos adros das igrejas, edificando-se depois, perto desse campo sagrado, em 1610, a ermida de São Roque e o Convento de Santo António dos Capuchos, cuja pedra fundacional foi lançada em 1643.

Após concentração no Edifício de São Francisco pelas 15h00, onde se fará uma breve visita à exposição “A Ilha Terceira em Tempos de Peste”, a visita prossegue com deslocação até ao Cemitério do Livramento, sendo asseguradas a normas de prevenção em vigor no contexto da situação pandémica.

A atividade, de frequência gratuita e limitada a 15 pessoas, depende de inscrição prévia através do e-mail [email protected]pt ou do telefone 295 240 800.

A Direção Regional da Cultura informa que estes e outros eventos estão disponíveis para consulta na Agenda Cultural do Portal Cultura Açores, no seguinte endereço eletrónico: www.culturacores.azores.gov.pt.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO