Welcome back

0
17
Rute Lacerda

“Oh my God! We’re finally here! Let´s go to the festa and have some bifanas!”. Este misto de inglês com português tem prevalecido nas últimas semanas na ilha, fruto da chegada dos nossos emigrantes – ou diáspora, substantivo super “fancy” e muito voga – à sua tão amada terra Natal. Lágrimas de emoção, abraços e gargalhadas é o que se regista nestes momentos de reunião de famílias que se mantiveram afastadas nestes dois longos anos pandémicos. Se para as gerações mais antigas dois anos de separação equivale a pouco, tendo em conta que os escassos regressos à ilha de outrora só se faziam, em alguns casos, muitas décadas após a partida, para os mais novos, cada vez mais ligados às novas tecnologias e adaptados a melhores acessibilidades, dois anos foram e são uma eternidade. Sim, perdemos muito. As crianças cresceram, são já adolescentes, os adultos envelheceram, as pequenas maleitas aparecem aqui e ali. Já não se consegue fazer tudo como dantes, mas há que aproveitar todo este tempo perdido numas “couple of weeks”.

Este conteúdo é Exclusivo para Assinantes

Por favor Entre para Desbloquear os conteúdos Premium ou Faça a Sua Assinatura