Quatro dias de festa em honra de Santa Isabel no início de julho

0
27

O bairro das Angústias ambicionou durante anos e conseguiu por de pé a sua capela. Devotos acérrimos da rainha Santa Isabel, os habitantes locais tem todos os anos apresentado um cartaz completo, prova da dedicação destes.

Assim sendo, dia 9 de julho há sardinhada, às 19h00 e Chamarritas, com grupo dos Amigos das Angústias, às 21h00. Pelas 23h00 inicia-se a atuação de Maninho Baia, estando previsto o final do dia de festa pelas 04h00.

No dia seguinte às 22h00 há atuação do grupo de cantares Ilha Azul, começando uma hora e meia mais tarde baile com os “Onda Jovem”, até as 04h00.

Para dia 11 está marcada a procissão de velas, com mudança da imagem de Santa Isabel para a igreja paroquial das Angústias. O grupo de Chamarritas da Unisénior atua às 22h00, seguidos, pelas 22h30, do Grupo Folclórico dos Flamengos.

O conjunto “Moda Antiga” começa o baile às 23h30 deste dia, prolongando a atuação até às 04h00.

No “dia grande” das festividades, 12 de julho, a missa solene com coroação na igreja das Angústias incia-se às 11h30, seguida de Sopas de Espírito Santo para os irmãos e convidados. Às 18h00 a procissão saí da igreja rumo à Capela, onde haverá a Bênção do Pão.

O Pão será distribuído mais tarde, durante a atuação da filarmónica União Faialense, que sobe ao palco às 21h30.

O Grupo de Cantares dos Idosos da Casa do Povo da Feteira atua às 22h30, e uma hora mais tarde “Os Severinos”, banda de São Jorge, começa o baile, que dura até às 04h00.

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO