“The Faial Voice” quer dar voz aos cantores amadores

0
5
“The Faial Voice” está a chegar ao Faial, é um concurso destinado a todos os cantores amadores, baseado no formato do concurso “The Voice Portugal”, no qual foram feitas as devidas alterações e ajustes para realizar um concurso à escala da ilha do Faial. 
A ideia desta iniciativa surgiu por parte do grupo musical Onda Jovem, que em parceria com a Pro Eventos, de Paulo Xavier, decidiram avançar e realizar um projeto para que este concurso fosse possível. 
O Tribuna das Ilhas esteve à conversa com Francisco Pimentel, elemento do grupo musical Onda Jovem e com Paulo Xavier da Pro Eventos, que nos contaram como foi todo o processo de preparação deste concurso e como vai estar organizado todo o evento.
A primeira etapa para a realização deste projeto foi a divulgação do concurso, que tomou algumas proporções, sendo que já atingiram mais de 50% das expetativas para as inscrições dos candidatos a concurso, tendo já um candidato da ilha da montanha.
Para que este projeto avançasse a organização procurou apoios e neste momento conta com o patrocínio da Câmara Municipal da Horta que já inseriu na sua agenda cultural o evento e já tem publicidade nos ecrãs Led da Avenida, outro dos apoios que neste caso funciona como uma parceria é o do espaço onde se vai realizar o concurso, no espaço de diversão noturna Ery Klub.
Paulo Xavier e Francisco Pimental deixam a ressalva de que apesar do evento se concretizar num espaço de diversão noturna, este concurso é para as famílias e como tal irá realizar-se num ambiente proporcionado para o mesmo, mais tarde após terminar a gala haverá lugar a “after hour” para quem quiser continuar a diversão noite dentro.
A fase de inscrições termina dia 15 de fevereiro e a primeira gala acontece dia 20 do corrente mês. O formato do concurso tem algumas alterações, não segue “à risca” o formato do programa realizado em território nacional, tendo em conta as proporções da nossa ilha. 
O esquema adotado para as galas tem duas fases, a primeira fase é das “Provas Cegas” onde haverá duas galas, nos dias 20 e 27 de fevereiro, e a Fase de “Galas de Eliminação” que vão realizar-se nos dias 5, 12,19 e 26 de março, sendo este último o dia da “Grande Final”.
Nesta primeira fase de “Provas Cegas” vão estar presentes os três mentores/ jurados, que vão estar de costas voltadas para os concorrentes e sem conhecimento prévio da identidade dos concorrentes, os mentores vão ouvir as atuações dos participantes e caso considerem que o concorrente em palco tem qualidade para pertencer à sua equipa vira a cadeira e vê quem está a atuar. No caso de haver mais que um mentor interessado no mesmo candidato fica a cargo do participante escolher o mentor da sua preferência. 
Terminada a fase de “Provas Cegas” cada mentor fica com uma equipa de cinco concorrentes que passam à fase das “Galas de Eliminação”, nesta fase os concorrentes apurados competem uns contra os outros e vão sendo eliminados, com votação do público e dos mentores. Na “Gala Final”, cada mentor já tem apenas dois concorrentes em cada equipa, é nesta gala que se decidem os três grandes vencedores. 
O prémio final traduz-se em 300 euros para o primeiro classificado, 150 euros para o segundo classificado e 75 euros para o terceiro lugar do “The Faial Voice”.
Paulo Xavier e Francisco Pimental salientam que este é um concurso para todos, e para darem a conhecer o seu potencial a nível vocal e musical, é um concurso para amadores e lembram “ aqui ninguém é profissional, só queremos que deem o seu melhor”. 
Durante o concurso as entradas serão gratuitas, e o preçário do bar será ajustado à ocasião, o objetivo dos organizadores é que a população saia à rua para se divertir e ver algo diferente, sendo que o concurso decorre durante a época de Quaresma e regra geral não há muitas ocasiões para as pessoas saírem e se divertirem. 

O MEU COMENTÁRIO SOBRE ESTE ARTIGO